segunda-feira, 6 de outubro de 2008

AGRADECIMENTO


150 votos são o resultado da minha votação nas eleições deste ano, como candidato a Vereador pelo Partido dos Trabalhadores - PT. Alguém ao ver a quantidade de votos nos jornais deve ter pensado - essa candidato é ruim de voto, mesmo. Ou talvez, para que um cara com essa votação se candidata. Não imagina essa pessoa a alegria que hoje eu sinto, com a qualidade das demonstrações de apoio que eu recebi nessa votação. Encontrei-me com o genro do Sr. Titelman Barreto Lisboa, de 90 anos, antigo farmacêutico de Campos, do tempo do remédio manipulado e dos curativos e suturas que ele muito bem fazia nas pessoas que o procuravam e que muitos dele ainda se lembram .

No domingo, disse-me o seu genro: o Sr. Lisboa, foi caminhando até a sua seção eleitoral, para votar, pois fazia questão de colocar na urna o nome de um candidato a Vereador de quem ele conhece o procedimento e o pensar político.

Também recebi da jovem Tadjana Artiles o seguinte comunicado. Tenho dezesseis anos e votei pela primeira vez e o voto foi para você. Além deles, muito me gratificou o apoio que recebi dos meus pares de Diretoria do PT, o Sr. Robson Siqueira, membro da Executiva e do Luiz Geraldo Leitão Gomes, que me ajudou a confeccionar o poste e, além disso, foi o seu condutor na única aparição que o mesmo fez na Praça São Salvador.

Cada voto que recebi, para mim tem um valor muito grande, tanto dos que votam pela primeira vez ou por aqueles que liberados pela idade e pela lei, fizeram questão de execer a sua cidadania prestigiando o meu nome. Isso tudo muito envaidece porque foram votos que foram dados sem pedir nada em troca, a não ser a contrapardida de um candidato que vê na política uma atividade que deve ser séria, honrada e que tem como principal função, estar a serviço da população, com dignidade.

Mas eu também dei uma olhada no resultado estrondoso de outros candidatos. Verdadeiros campeões de voto. Uns eleitos, outros na suplência. Mas fiquei preocupado. Esse resultado nas urnas pode ter sido ao custo de apoios inomináveis e, certamente, não vão aparecer nas prestações de conta. E, além disso, produziram uma cumplicidade e dependência que vão resultar num desempenho comprometido quando do exercício do seu mandato.

O resultado certamente iremos ver na hora de uma CPI, uma aprovação de contas e outros procedimentos inerentes ao cargo, deixando em segundo plano aquilo para o que foram eleitos, os interesses da população e a fiscalização do Executivo.

Obrigado eleitores, esses votos para mim significam 1.500, 15.000... tantos quantos a minha gratidão pode enumerar. Obrigado.

Quero dizer para os meus leitores, que é com muita satisfação que retorno às minhas postagens, dizendo que continuo com o mesmo pensar e proceder. Sigla partidária é um organismo que deve se prestar tão somente para produzir bons políticos e boas políticas e não alianças com parceiros que não são os ideais e que não tem uma motivação nobre.

4 comentários:

Anônimo disse...

Voce é um vencedor! A sua vitoria é remar contra esta mare de populismo e corrupção em que os mais honesto nem sempre são eleitos,tenho orgulho de falar para quem interessar possa : votei em voce e na professora Odete.Podem falar voce perdeu o seu voto,aparentemente sim mais ganhei conhgecimento dignidade e tranquilizadora sensação de que não vendi minh`alma para o diabo da corrupção que assola esta cidade
Tente outras vezes tente sempre o importante não é o resultado e sim a mensagem de protesto. TO com voce ontem, hoje e sempre! Denises (oposição, ranzinza politica)

Anônimo disse...

Informação postada agora no blog Urgente

Odete na justiça pelo 2º Turno
A candidata à prefeita de Campos pelo PCdoB, Odete Rocha, declarou que está entrando na justiça para que haja a disputa do 2º Turno das eleições em Campos. Segundo a candidata, o partido entende que, com a falta de aviso pela justiça sobre a transformação dos votos em Arnaldo Vianna (PDT) em votos nulos, os eleitores que votaram nessa candidatura foram ludibriados e que caso houvesse esse esclarecimento, o quadro da eleição seria diferente.

Odete disse que a assessoria jurídica do partido está estudando o instrumento a ser utilizado na ação e que houve uma indução da população. "Houve indução. As pessoas não votaram nulo, elas votaram em uma candidatura concreta, que fez propaganda na televisão. A eleição teria outra configuração caso houvesse o anúncio. Contestamos também Rosinha, que está se escondendo atrás desse resultado", disse a candidata.

Odete aproveitou ainda para agradecer os quase 27 mil votos que obteve, dizendo que a candidatura se configurou como "uma viabilidade de contraponto aos outros dois grupos".

J.Lopes disse...

Parabens pela votação. Não desista companheiro, são candidaturas como a sua que Campos precisa. Certamente na proxima as condições serão melhores para os candidatos integros e honestos.
Um abraço

felixmanhaes disse...

Denises, J.Lopes e anônimo, obrigado pela visita

Seguidores

Loading...