segunda-feira, 31 de agosto de 2009

DELEGACIA DA MULHER TEM AUDIÊNCIA PÚBLICA


Como já anunciamos aqui neste blog, continuam bem adiantados os entendimentos da Deputada Cida Diogo (PT), junto à Secretaria Estadual de Segurançá Pública, para a instalação, aqui em Campos de uma Delegacia da Mulher. Para o início de Setembro, já está marcada aqui na cidade, uma audiência pública, quando a Deputada estará presente, junto com a Secretária Marta Rocha. A data da audência ainda não está definida, mas acontecerá ainda no mês de setembro.

sábado, 29 de agosto de 2009

O PT E A CRISE DO SENADO





Por Eloi Pietá e Carlos Henrique Árabe


Apresentamos aqui uma proposta de avaliação dos acontecimentos recentes no Senado que tiveram como resultado um importante desgaste do PT frente a opinião pública democrática. Como somos parte da direção e assumimos nossas responsabilidades, com essa avaliação não buscamos “culpados” nem “inocentes”, mas tirar lições para melhorar nossa intervenção partidária na luta política em curso.



Para já deixar claro, de início, não estamos confundindo opinião pública com opinião “publicada”. Boa parte dessa, como sabemos, tem atuado sistematicamente com o objetivo de desmoralizar o PT e viabilizar uma alternativa de direita na sucessão de Lula. De outro lado, estamos, sim, falando da opinião de setores democráticos atentos à política, que consideram necessário mudar o funcionamento do Congresso e, agora em especial, do Senado. Ao nosso ver, o desgaste do PT frente a esses setores aconteceu porque o PT não conseguiu apresentar uma posição alternativa aos dois blocos conservadores que se formaram em torno à continuidade ou não de Sarney na presidência da “Casa”. E com isso, o PT ficou submetido ao jogo liberal que exclui mudanças significativas na forma e no conteúdo do parlamento no Brasil.



Para nós, o posicionamento do PT deveria compreender:

a) o enfrentamento do objetivo explícito da oposição liberal de derrotar o setor do PMDB que mantem relação de apoio ao governo e colocar no seu lugar, no comando do Senado, o PSDB. Com isso a oposição liberal obteria um posto importante para fustigar o governo e, adicionalmente, buscaria usar esse posto para perfilar o PMDB com a sua candidatura presidencial. O PT adotou uma posição realista necessária, mas essa posição mostrou-se insuficiente para a luta política em curso no Brasil;



b) por isso mesmo, nossa posição deveria – e poderia – cumprir outro objetivo igualmente central: fazer avançar a luta pela reforma política, em especial naquilo que implica o Senado. Isso era – e continua sendo – possível porque as denúncias de privilégios “senhoriais” atingem não apenas o Senador Sarney mas praticamente toda a instituição.



Porque não colocamos em discussão o funcionamento de conjunto do Senado?

Além disso, também era – e continua sendo – possível demonstrar o caráter conservador do Senado com seu poder revisor sobre as decisões da Câmara dos Deputados. Essa situação, clara hoje para toda a nação, atualiza um debate presente no PT desde há muito tempo, inclusive com projetos de lei, que apresentam propostas concretas de reforma do Senado.



Por que não colocar isso em debate público? Há algum impedimento para que o PT acrescente à sua tática essa dimensão fundamental?

Pensamos que não nos dois casos.



E porque não fizemos?

A explicação está muito mais na auto-limitação política que o PT tem adotado desde que assumiu o governo federal. Se é claro que o PT deve defender o governo e adotar as táticas necessárias para encaminhar essa posição, daí não se pode deduzir uma omissão na luta política democrática em nosso país. Caso contrário, condições defensivas tendem a se impor e a cobrar desgastes desnecessários ao partido.



Essa postura tem custado um enorme atraso na democratização das instituições, porque o PT é a grande força política que pode liderar a luta pela reforma democrática do Estado com participação popular. Não há força que substitua o PT nessa tarefa central. E a credibilidade desta força na sociedade para encarar esta luta precisa ser preservada e cultivada a cada passo.



É sobre isso que devemos refletir.



Nossa tese ao debate interno da renovação das direções do PT intitula-se, significativamente, “Por um PT com voz firme e ativa”. Nela insistimos na necessidade de combinar três movimentos na formulação da ação partidária.



O primeiro é a defesa do nosso governo, o que, obviamente, é fundamental para avançar na luta pelo desenvolvimento em conjunto com a luta contra a desigualdade e a exclusão social. A continuidade desse projeto depende de construir maioria na sociedade para essa agenda – o que tem sido um processo vitorioso e tem se expressado no enorme apoio ao Presidente Lula. Depende também, por óbvio, de derrotar a frente de direita que se organiza para fazer o Brasil voltar aos tempos do neoliberalismo. Sem programa para o Brasil, a frente de direita tem se dedicado à exploração de pontos fracos da nossa estratégia política, sendo um deles a dependência de alianças com setores conservadores e de uma governabilidade estritamente parlamentar.



O segundo movimento programático que destacamos em nossa tese é aprofundar a luta pela igualdade social e pela sustentabilidade ambiental dentro do projeto de desenvolvimento para o Brasil.

A terceira frente – que fica realçada pela crise do Senado – é justamente a reforma política e a ampliação da participação popular. Entendemos que essas conquistas têm impacto direto no rumo de alianças mais coerentes com o nosso programa. Entendemos que há base social para isso. A ampla inclusão social promovida pelo nosso governo tem um enorme potencial democrático. Mas ela só se completa com a democracia política. E é preciso conquistá-la plenamente.



O Congresso, e o Senado em especial, tem ficado de fora destas grandes mudanças no Brasil. As tentativas de reformá-lo por dentro, apenas pela via legislativa, mostraram-se inócuas. Por isso, o nosso Terceiro Congresso apontou o caminho da Constituinte Exclusiva para a reforma política, só conquistável por um forte movimento político com participação popular. É preciso incluir essa questão do Congresso na agenda democrática da sociedade, na agenda de hoje a 2010. Nossa plataforma para eleger Dilma, para ampliar a presença nos governos estaduais e crescer nossa representação parlamentar deve destacar decisivamente essa meta.



E, para nós, essa meta é indissociável da conquista da democracia participativa em uma nova etapa de governo nacional do PT. Já avançamos muito no diálogo entre governo e movimentos sociais (criminalizados na era FHC e nos governos atuais do PSDB); avançamos na democratização das políticas públicas. É hora de avançar na esfera da participação pública na definição dos temas nacionais, como o Orçamento (onde o PT desenvolveu experiências vitoriosas de orçamento participativo).



Essas teses buscam retomar o protagonismo político do PT. E buscam realizar esse avanço em um marco de debate plural, de unidade partidária, e de presença na luta política em cada conjuntura.



Eloi Pietá e Carlos Henrique Árabe são membros do Diretório Nacional

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

LIGAÇÕES PERIGOSAS


Recebemos um e-mail de Lourdmária Soares Rocha, que alerta sobre uma lilgação que recebeu e pede para que divulguemos. "Amigos, Ontem ao entardecer, recebi uma ligação a cobrar. A pessoa identificou-se como sendo da Telefônica dizendo que meu telefone estava com linha cruzada e ela iria consertar. Estranhei a ligação e disse-lhe que a Telefônica não liga a cobrar; ela insistiu para que eu discasse:

21*0211581172839#

Não disquei e falei pelo 190 com a Polícia. O policial disse-me que esta é uma ligação do Comando Vermelho , das penitenciárias do Rio de Janeiro e que este número, se acionado, é mais que um clone, é uma extensão de seu telefone.

A partir daí, eles ouvem tudo o que você fala e se for interessante para eles, começam a ameaçar. Isto é sério extremamente perigoso.

Avisem todos os seus familiares, amigos, principalmente os mais idosos, empregadas , adolescentes, enfim, aqueles que, sem maiores preocupações, possam cair nessa conversa..

O próprio policial pediu-me para divulgar. Inclusive, se conhecesse alguém da imprensa, pedir para que eles também divulgassem, pois, infelizmente, o golpe já está fazendo vítimas em várias localidades.

Não deixe de repassar esta mensagem.
U R G E N T E!!!

MAIS UM AVISO:

NÃO ATENDER LIGAÇÃO NO CELULAR DESTE NÚMERO:

(11) 9965.0000.

TODOS OS NÚMEROS QUE ESTÃO ATENDENDO, ESTÃO SENDO CLONADOS. "











(

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Portal da Trasnparência

Número Convênio: 638872
Objeto: IMPLANTACAO DE CURSOS NO AMBITO DA UAB
Órgão Superior: MINISTERIO DA EDUCACAO
Convenente: UNIVERSIDADE ESTADUAL DO NORTE FLUMINENSE DARCY RIBEIRO
Valor Total: R$5.413.059,48
Data da Última Liberação: 21/08/2009

Valor da Última Liberação: R$5.413.059,48

GOVERNO FEDERAL LIBERA RECURSOS PARA A UENF

GOVERNO ACEITA REAJUSTE DE APOSENTADOS


A proposta das centrais sindicais de conceder um reajuste real (acima da inflação) às aposentadorias com valor acima do salário mínimo, foi aceita pelo governo na noite desta terça-feira. O aumento totaliza cerca de 6,1% de reajuste ou um ganho real de 2,5% e representa a correção da inflação medida pelo INPC, mais 50% do PIB verificado em 2008 e será concedido a partir de janeiro de 2020. O reajuste real de 2011 seria baseado no PIB de 2009.

REAJUSTE DOS APOSENTADOS


o reajuste dos beneficiários do INSS que ganham acima do salário mínimo (R$ 465) pode ser definido hoje. Há a possibilidade do presidente Lula aceitar a proposta da Confederação Brasileira de Aposentados e Pensionistas (Cobap)que foi apresentada na segunda-feira, durante uma reunião entre representantes do governo, dos segurados e das centrais sindicais. A fórmula de aumento resultaria da soma de 50% do PIB do ano anterior (Produto Interno Bruto, que é o total das riquezas do país), mais a inflação acumulada. Segundo a Cobap, o índice, em 2010, ficaria em 6,4%, (3,4% da inflação e 3% do PIB). A fórmula tem o aval das centrais sindicais e seria usada também em 2011.

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

NAÇÃO GOITACÁ, DE FATO E DE DIREITO


Em reunião realizada no última dia 22 de agosto, foi eleita a primeira Diretoria da Nação Goytacá, que ficou assim constituida:
Presidente - Artur Gomes
Vice Presidente – Romualdo Braga
Secretária – Aucilene Freitas
Segunda Secretária – Adriana Medeiros
Tesoureira – Indrid de Mello Monteiro

Conselho Fiscal
Titulares:
Wellington Cordeiro
Alexandro Florentino
Maurício D Tutty

Suplentes:
Luiz de Souza Ribeiro Filho
Márcio de Aquino
Álvaro de Siqueira Manhães

Além da Diretoria Executiva, dentro das atribuições que o Estatuto da ONG Nação Goytacá confere ao seu Presidente, Artur Gomes, nomeou outros sócios fundadores, nas seguintes funções:

Diretor de Patrimônio - Harlem Pinheiro
Diretor Cultural – Adriano Moura
Diretor de Arte – Wellington Cordeiro
Diretor de Esporte – Water da Silva Klein
Diretor de Comunicação – Vítor Menezes
Diretora de Educação e Pesquisa – Vera Vasconcellos
Diretoras de Ações Sociais – Loana Rios e Mariângela Dias
Diretor Jurídico – Fernando M. Silva
Aos Diretores eleitos, nossos parabéns. Vemos na ONG a possibilidade da implementação de ações ligadas a cultura, que vão certamente impulsionar questões ligadas à arte, na cidade de Campos. Já imaginou essas feras juntos às escolas oferecendo, por exemplo, curso de teatro, de oratória e outras atividades que possam desenvolver novas pessoas com cidadania e arte.

domingo, 23 de agosto de 2009

Quem somos, quantos somos e ainda somos?


Circulando pela cidade, hoje de manhã, constatamos o que a maior parte da população já observou de há muito, a quantidade enorme de carros "capichabas" trafegando pela cidade.Se não soubessemos o motivo, até parece que estariamos no Espírito Santo. Apesar da lei considerar um delito tributário, uma grande parte dos proprietários de veículos está pagando o seu IPVA pelas terras da mouqueca, onde "residem". Sabemos que a carga tributária é enorme e impiedosa e um verdadeiro mutirão está sendo produzido nas avenidas e rodovias, com o auxílio da polícia e outros orgãos, no sentido de surpreender os incautos, com uma estrutura pesada, com apreensão dos veículos dos contribuintes inadimplentes, que são levados para os depósitos, onde as taxas de permanência mais as despesas de reboque e multas, muitas vezes desanimam até pegar de volta o seu patrimônio. A cada tempo percebe-se que os contribuintes reinventam um novo expediente, para não serem depenados. É a luta constante entre os órgãos governamentais querendo sugar mais e o contribuinte tentando se safar da voracidade do tributo. Como sabemos que motivo do não pagamento não é nem o esquecimento e nem uma excentricidade do contribuinte, não seria o caso de reduzir o valor do IPVA, um dos mais caros do país e extinguir a taxa de vistoria - só existe no Estado do Rio e ganhar no atacado, com o retorno desse imposto que é desviado para o Estado vizinho?

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

O PT E O SEU LÍDER DA BANCADA


O Partido dos Trabalhadores, mesmo contra gosto de aguns petistas insatisfeitos, é na verdade o líder da bancada petista e isso, apesar de termos a clareza que hoje poderíamos ter mais que um nessa. E, como tal, precisa que todas as lideranças vençam algumas possíveis divergências e contribuam para que o Renato Barbosa faça uma oposição responsável, propositiva e que se coloque ao lado da população, desempenhando o seu legítimo papel de legislador e fiscal do Executivo. Há toda uma variedade de pendências históricas na cidade e o Partido dos Trabalhadores, via seu vereador, tem um compromisso de trabalhar no sentido resolvê-las. A hora é para resolver através do debate interno, possíveis divergências, deixando à mostra apenas o melhor que o partido pode produzir para a cidade. Vamos em frente, Renato, o PT é um pouco diferente e você logo vai perceber isso e assim vai produzir muito mais. Apesar das divergências pontuais claramente definidas entre nós, confiamos no seu trabalho de vereador e os resultados logo aparecerão.

domingo, 16 de agosto de 2009

DE QUE LADO ESTÁ A MÍDIA


O episódio do Jornal Folha da Manhã, processando espaços democráticos da REDE BLOG, a exemplo dos Blogs do Roberto Moraes e o Urgente, que reune alguns jornalistas, nos leva a questionar o papel da mídia convencional nessa tarefa importante que tem de informar a sociedade, que em última instância é quem lhe garante essa concessão. O que nos deixa estupefatos é que no caso específico do Blog do Roberto Moraes, a ação ajuizada tem o aspecto da extemporaneidade, por retroage há quase um ano e a motivação não espelha o que na verdade aconteceu naquele espaço. Além disso, existe uma desigualdade estampada nesta contenda, a partir do momento em que o Blog do Roberto é uma espaço aberto a comentários e ao debate enquanto o jornal suas matéria já vem acabadas ao modo dos comandos de redação e às vezes ao sabor das verbas que lhe dão a sustentação financeira. Também essa semana, iniciou-se uma briga muito maior entre a Rede Globo e a Rede Record, aí envolvendo aspectos de religiosidade e criminais dos seus proprietários. Também nesta semana, o Ministro das Comunicações Hélio Costa, deverá promover a concessão de vários canais de televisão e rádios. A grande preocupação é em que mãos elas vão parar.

sábado, 15 de agosto de 2009

ESSA É UMA DAS BANDEIRAS DA REDE BLOG


Acaba a enquete de A Trolha e já temos uma das novas bandeiras da Rede Blog. Venho fazer uma sugestâo para o criador da logomarca Sergio Cardoso Moreira - a produção de adesivos, cujo valor simbólico seja revertido para ajudar ao companheiro Roberto na sua defesa perante a justiça. Afinal, 400 salários mínimos, além de um pedido injusto, foge às possibilidades de qualquer um mortal trabalhador.

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

 
Posted by Picasa

VIRUS NA CÂMARA


A Câmara de Vereadores de Campos (fonte Blog do Claudio Andrade) está em entendimentos com a Câmara de Diretores Lojistas e os Bancos, no sentido de diminuir o horário de antendimento. Está tudo muito bem, suas ações tem que estar voltadas para os interesses da comunidade. Porém alguma coisa não está muita bem clara. Quanto aos bancos, que tem uma demanda de atendimento reprimida, com extensas filas, ao se reduzir esse horário, não aumentaria a quantidade pessoas ao mesmo tempo no seu interior. Nem todo mundo sabe se auto atender nos caixas eletrônicos, que também estariam cheios. Se for por causa dos funcionários dos bancos, essa quantidade já foi reduzida há muitos anos e trocada por máquinas. No que diz respeito ao horário de atendimento no comércio local, parece que os nobres edis fazem suas compras em praças fora de Campos. Dê uma passada pelo comércio e verifique se existe alguma loja com superlotação. Se os vereadores querem ficar bem na fita, por que não solicitar à Prefeita que remaneje dos atuais 15 milhões da verba de propaganda 10 milhões para ações preventivas, como contratação de mais médicos e máscaras. Excelente momento para a oposição.

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

CHEGAMOS AO FIM?!


Recebi neste último domingo, dias dos pais, a visita da minha neta Liz (foto). Não existe algo mais gratificante e puro que o olhar e um abraço de uma criança. Mas os últimos fatos são extremamente preocupantes quando você tem a clareza de que pessoas que tomam para si a responsabilidade de estar à frente dos interesses comuns, perderam a legitimidade de nos representar e nós a capacidade de enxergar que novas pessoas, menos danosas terão que desempenhar essas funções que a eles delegamos. E isso fica claramente comprovado,quando na televisão vemos e ouvimos um diálogo onde representantes da mais alta corte da nação ferem nossos ouvidos e a esperança, com expressões - vossa excelência é um canganceiro, vossa excelência é um coronel de m...., vossa excelência é um jagunço - nos dá a certeza de que votamos mal e quem nós elegemos não merecem estar lá. Além disso, quando o Ministério Público Federal faz a denúncia contra membros de uma igreja e a Justiça acata a formação de quadrilha e lavagem de dinheiro, temos a certeza de que, se não reagirmos, o futuro dos que estão chegando vai ser horrível e vamos ter fé mais em que a não ser em nós mesmos? A hora é de reagir e ninguém consegue resolver tudo ao mesmo tempo, temos que começar pelo que está ao nosso lado, ao alcance de nossas mãos e ações. Por que não começarmos aqui pela cidade. As pessoas estão morrendo por falta de assistência e de prevenção contra as doenças, tem gente passando fome bem ao nosso lado, há pessoas que voltam à noite para casa sem o dinheiro do pão do dia seguinte e com a certeza de que o amanhã não vai ser diferente. No entanto, temos uma Prefeitura que é a mais rica do país e a população uma das mais desassistidas nessa correlação de custo-benefício. Vamos para dentro da Câmara e exigir que os vereadores sejam mais atuantes e cobrem da administração do município mais transparência e eficiência no uso dos recursos. E essas ações tem que partir de pessoas diferentes desse eixo político dos últimos 20 anos. Não adianta você está na plenária e na conta de algum vereador ou na conta da Prefeitura. Eles vão pouco se lixar, pois afinal esse preço já está sendo pago.TERCEIRA VIA NELES!

terça-feira, 11 de agosto de 2009

CIDA DIOGO E CHICO D'ANGELO NA CHAPA DA MENSAGEM

Os deputados Estaduais Cida Diogo e Chico d'Angelo estão inscritos na Chapa Nacional da Mensagem do Partido dos Trabalhadores para as suas eleições internas. Outros nomes de peso formam uma chapa que promete aumentar o poder interno na sigla. Dentre eles, em destaque aparecem os nomes do candidato a Presidência, o Deputado Federal de São Paulo, José Eduardo Cardozo, o ministro da Justiça Tarso Genro, a Governadora do Pará, Ana Julia, o Ministro da Educação, Fernando Hadad, Luiziana Lins, Prefeita de Fortaleza, além do Deputado Federal Jorge Bitar,Antonio Carlos Biscaia e o senador Eduardo Suplicy.

AÇÕES CONTRA A FOLHA

O Blog do Roberto Moraes foi acionado na justiça. A Editora responsável pela Folha da Manhã ajuizou ontem ação cobrando indenização de 400 salários mínimos por possíveis danos. A motivação que levou ao ato jurídico nos deixa muito preocupados quanto ao processo crescente de respeito à liberdade de expressão. Além disso, parece ser uma retaliação a Rede Blog(exatamente no dia em que o Blog do Roberto completa 5 anos), um novo e eficaz sistema alternativo de mídia que oferece um contraponto ao papel informativo e formativo da imprensa convencional. Em nossa visita aos blogs, esse assunto está repercutindo de forma negativa. O Blog do Xacal (A trolha) sugere doações para ajudar ao Roberto para custear a defesa. No Blog da Hiena, esta faz a sugestão de que a sociedade civil organizada entre também com uma ação contra a Folha da Manhã, pela veiculação de anúncios de sexo em seus classificados. A hiena, em seu blog, mostra a sua preocupação quanto à possibilidade da exploração de menores nesses anúncios. Estamos solidários com o companheiro blogueiro Roberto Moraes já que o tema promete muitas ações, reações e emoções. Estamos contigo Roberto.

domingo, 2 de agosto de 2009

MENSAGEM AO PARTIDO LANÇA CANDIDATO


A Mensagem ao Partido, grupo de militantes petistas que reúne integrantes de diversas correntes em todo o Brasil, lançou em seu Encontro Nacional a candidatura de José Eduardo Cardozo à presidência nacional da sigla, que terá eleições em novembro. O encontro, que aconteceu em São Paulo, reuniu militantes de todo o país, incluindo prefeitos, deputados, intelectuais, sindicalistas e ativistas de setorias do PT. Durante o II Encontro Nacional da Mensagem ao Partido também foram debatidos aspectos da conjuntura política e partidária e as eleições de 2010.

José Eduardo afirmou que a candidatura surge com força, e como forma de dar resposta aos desafios do PT nas próximas eleições. Ele destacou ainda a importância de coesão partidária em 2010 para a sucessão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em torno da candidatura da mistra da Casa Civil Dilma Rousseff.

sábado, 1 de agosto de 2009

UMA PORÇÃO DE NADA


Somos a maior parte, temos embora não saibamos, a maior força, no entanto, poucos, sempre os mesmos, estão no comando, enchendo os bolsos, roubando nossa comida, nossa saúde, nosso trabalho, nossas forças, nossos sonhos. Alguém precisa dar um basta, é necessário alguém levantar uma velha bandeira, indicar um caminho que seja nosso e para nós... TERCEIRA VIA NELES!

OBRIGADO, HIENA


Em minha rotineira visita a rede blog, me deparei com uma postagem no Blog da Hiena e, para agradável surpresa minha, a mesma tecei alguns elogios a nossa pessoa. Quero de público agradecer aos comentários dela e dizer que continuamos dentro do Partido dos Trabalhadores com a aquela mesma intenção de dar a nossa simples contribuição para que a nossa Sigla volte a ser instrumento fomentador de boas políticas e produtor de bons políticos. Temos a clareza de que não temos a verdade, como propriedae só noss e também não somos só nós que pensamos da mesma forma. Temos alguns outros bons companheiros que tem o mesmo propósito e que para alegria nossa estão de volta ao convívio íntimo do debate e das lutas. Mesmo correndo o risco de ser traido pela memória não tão amiga, poderemos citar o retorno do Renato Barreto, o nosso cientista político, o Afrânio Tinoco, Alex Sandro Barbosa, Douglas Barreto da Mata, um dos melhores discursos dentro do Partido da Estrela vermelha, Felipe Viana Siqueira, Gustava Carvalho, Gustavo Gomes e do Lacir Siqueira Tinoco, sobrinho do Lenilson Chaves, que empresta o nome ao novo Núcleo de Base. Além deles, algumas outras lideranças continuam sua luta no partido e aí podemos destacar os companheiros Marcelino, o Saulo, Izaias, Guilherme, Marcel, Chico Lavador, Moisés da Quentinha, José Claudio, Mauri do Requeijão, o incansável Robinho Siqueira, Luiz Geraldo Leitão, além de muitos outros. Mas também tem os novos que estão chegando como Robinho do SEPE, o bravo Cândido do Movimento Negro, Santafé e muitos outros. O PED está a caminho e a hora e para se dar ao partido um destino que passe pelo seu fortalecimento e que vai certamente fazer o seu retorno como puxador da bandeira de uma necessária Terceira Via para a cidade. Obrigado, Hiena.

ESTADO PADRASTO


Quase sempre me levanto às 5.00 horas, afinal como um sexagenário não tenho tanto sono e a pressa em viver faz com que sobrem horas nos meus dias. Vou ao velho bule metálico desativado adquirido de um antigo buffet onde filo R$6,40, entre moedas e zinabreadas e notas rotas e parto em direção à Padaria do amigo Samuka. Enquanto caminho, utilizo um dos meus fiéis neurônios (tenho dois um para ligar e outro para desligar) e começo a fazer as contas para saber se volto com tudo aquilo que planejei trazer para o magro desjejum. Estou levando R$1,40 para seis pães, R$1,70 para o leite em saquinho e R$2,30 para a velha margarina de 300 ml. Possivelmente eu represente 70% dos moradores do meu bairro que cumprem essa rotina diária. Muitos deles matam alguns dias ou semanas, pois nem todos tem um velho bule outra bugigana onde reservem uns trocados para cumprir esse ritual. Aí o jeito é o famoso café magro, ou o famoso café com lingua. Fico a imaginar o preço alto das coisas em relação ao baixo rendimendo da população e a acreditar que por mais subsídios que sejam dados ao trigo o preço do pão não cai.Além disso, o leite fugiu da convencional regulagem do mercado onde a procura e oferta ditam as normas, entra verão, volta inverno e a vaca não desce para o angola da várzea nem o preço do leite para um patamar razoável de consmo de cálcio. A margarina parece que permanece um pouco longe dessa realidade, mas também apesar de mais leve, pesa também no bolso. Ao chegar à Padaria, Samuka agarrado no seu inseparável piano alerta a um freguês que paga a sua conta, de que o leite subiu para 1,80. A atendente já estava a me entregar os 3 sacos plásticos com os meu pedido. Aí, ativei os meus dois neurônios e raciocinei. Devolvo um pão para fechar a conta, ou não levo o suco da vaca. Entreguei os meus 6,40 e fui embora com um pão a menos. De volta, o neurônio responsável pela minha memória, me desafiou, indagando: Você sabe quanto você pagou de imposto lá na padaria. Aí comecei a dar ouvidos a ele. É verdade, ele tem razão, mesmo com a isenção do IPI do pão até 2010, 1/3 do leite e da margarina é imposto além dos outros impostos indiretos, muita coisa é tirada da nossa boca e colocada na do Leão. Preferi pedir silêncio ao meu neurõnio, se continuasse com a discussão, certamente eu iria me revoltar mais ainda e estragar a minha primeira alimentação porque começariam a desfilar pela minha cabeça um elenco enorme de impostos injustos que nos são cobrados sem a contrapartida da prestação de um serviço por parte de um Estado que é Padrasto. Cheguei em casa e ao fechar o portão, de novo o meu neurônio deu uma sacaneada. Tá vendo aquela luz acesa ali naquele poste, Sabe que pagou a conta, seu troxa? É claro que eu sei, na minha conta, todo mês, descontam R$10,50 para ajudar a Rosinha a pagar a Taxa de Iluminação Pública. Talvez essa contribuição para ajudar a Rosinha que tem a Prefeitura mais pobre do Brasil, servisse para eu colocar no saco aquele pão que eu e muitos deixam de levar para casa e que certamente não vai faltar na mesa da Prefeita. Aí não teve jeito estava azedo o meu café da manhã.

Seguidores

Loading...